Como saber se a crase ou não?

Na língua portuguesa, a crase indica a contração de duas vogais idênticas, mais precisamente, a junção da preposição “a” com o artigo feminino “a” e com o “a” do início de pronomes. Sempre que isso ocorrer, o fenômeno será indicado por intermédio do acento grave, também chamado de acento indicador de crase.

Quando se coloca a crase?

Crase é a contração da preposição a com outro a, que pode ser artigo definido, pronome demonstrativo ou o a inicial dos pronomes aquela, aquele, aquilo. É indicada pelo acento grave. Como regra geral, só se usa crase antes de palavras femininas. A exceção são os pronomes demonstrativos aquele e aquilo.

Quando não se coloca crase?

NÃO USAMOS A CRASE:

Antes de pronomes indefinidos que não admitem artigo (seguidos ou não de “s”): alguém, alguma, nenhuma, cada, certa, determinada, pouca, quanta, tal, tamanha, tanta, toda, ninguém, muita, outra, tudo, qual, qualquer, quaisquer.

É correto usar crase antes do verbo?

A crase não deve ser empregada junto a verbos. O fenômeno da crase existe quando há uma fusão (ou contração) entre a preposição "a" e o artigo definido feminino "a". Logo, se a palavra seguinte à preposição "a" for um verbo, o acento grave indicativo da crase não é admitido.

Quais são as cinco principais regras de uso da crase?

A crase deve ser usada nos seguintes casos:

  • antes de palavras femininas;
  • na indicação de horas;
  • nas locuções adverbiais, prepositivas e conjuntivas femininas;
  • antes da expressão "à moda de", mesmo quando ela esteja subentendida.

Faz bem a alma tem crase?

A crase só ocorre antes de pronomes demonstrativos que iniciem com a vogal “a” ou antes de substantivos femininos que são antecedidos pelo artigo “a” – por isso, nunca deve ser utilizada antes de palavras masculinas.

Quais os verbos que exigem crase?

A crase pode ser usada nas seguintes situações:

  • antes de palavras femininas;
  • quando acompanham verbos que indicam destino (ir, voltar, vir);
  • nas locuções adverbiais, prepositivas e conjuntivas;
  • antes dos pronomes demonstrativos aquilo, aquela, aquele;
  • antes da locução "à moda de" quando ela estiver subentendida;

Quais são as regras de crase?

Usamos crase nas locuções adverbiais, prepositivas e conjuntivas que contenham palavras femininas, como nos exemplos acima. São locuções adverbiais: à direita, à esquerda, às vezes, à tarde, à noite. São locuções prepositivas: à(s) custa(s) de, à exceção de, à mercê de, à proporção de, à volta de, às expensas de.

Vai a escola tem crase?

Em gramática, basicamente a crase se refere à fusão da preposição a com o artigo feminino a: Vou à escola. O verbo ir rege a preposição a, que se funde com o artigo exigido pelo substantivo feminino escola: Vou à (a+a) escola.

Tem crase antes de dor?

Um exemplo: a palavra dor, que proveio de door, que, por sua vez, proveio de dolorem. Assim: dolorem > door > dor. As duas vogais idênticas e consecutivas (o) de door se fundiram resultando na forma atual dor. Houve, portanto, a crase.

Tem crase em data?

Nunca se deve usar a crase entre datas. Observe: As inscrições estarão abertas de 21/07 a 30/8.

Foi a padaria tem crase?

Portanto, nesse caso, o “a” antes de padaria é com acento grave: Estou indo à padaria. Por quê? Porque há o “a” – exigido pelo verbo ir (ir a algum lugar) + outro “a” – que acompanha “padaria” – a padaria. Então a + a = à ( usamos só uma letra” a”, e a outra representamos pelo acento.

Foi a feira tem crase?

Observe que o verbo ir requer a preposição a e o substantivo cidade pede o artigo a. 1. Preposição a + artigos a, as: Fui à feira ontem.

Faz mal a saúde tem crase?

É obrigatório o emprego da crase em locuções adverbiais como, por exemplo, “à saúde”. É obrigatório o emprego da crase em locuções prepositivas como, por exemplo, “à saúde”.

Foi a luta tem crase?

Já a palavra “luta” é antecedida do artigo “a”. Assistir a + a luta = assistir à luta. Verbo ir: vai-se “a” algum lugar. Cuba: não tem artigo (não se diz “a” Cuba ou “o” Cuba).

Foi a Portugal tem crase?

Se você quer saber com mais rapidez se deve IR À ou A algum lugar (com ou sem o acento da crase), use o seguinte “macete”: Antes de IR, VOLTE. Se você volta “DA”, significa que há artigo: você vai “À”; Se você volta “DE”, significa que não há artigo: você vai “A”.

Vai pra praia ou vai a praia?

Seguindo os dois exemplos acima, pelo fato de nossa ida À praia ser de curta duração (retornamos no final da tarde do mesmo dia), devemos dizer "Vou À praia". Ida PARA a praia subentende que você vai permanecer por longo tempo lá, como por exemplo, montando barraca ou acampamento lá. Certinho ?

Tem crase antes de saúde?

É obrigatório o emprego da crase em locuções prepositivas como, por exemplo, “à saúde”.

By admin