O que quer dizer presença de filamentos de muco?

Trata-se de um fluído viscoso e tem o aspecto diferente da urina habitual. De modo geral representa descamação de células do epitélio do trato urinário, tanto da uretra como da bexiga. A presença do muco é indicada por filamentos mucoide que deixam a urina um pouco turva e com aspecto gelatinoso.
Em cache

Como saber se o resultado do exame de urina está normal?

Estes são os valores de referência esperados de uma amostra de urina:

  1. pH: deve ficar entre 5,5 e 7,0. pH acima de 7,0 pode ser indicativo de bactérias que alcalinizam a urina, ou ainda de cálculos renais ou insuficiência renal. …
  2. Densidade: um resultado considerado normal deve ficar entre 1,005 e 1,030.

O que significa a presença de leucócitos na urina?

– Leucócitos na urina: Os leucócitos são células de defesa no nosso sangue. Quando se visualiza um número aumentado de leucócitos e/ou um teste positivo para esterase leucocitária pode indicar uma infecção ou inflamação em algum lugar do trato urinário.

O que significa flora bacteriana presente no exame de urina?

A flora bacteriana que é indicada no exame de urina corresponde ao conjunto de microrganismos, como bactérias e fungos, que estão naturalmente presentes na região genital de homens e mulheres, sem causar qualquer sintoma.

O que é o que é muco?

Substância líquida espessa e viscosa, segregada pelas membranas mucosas e que tem por função humedecer e lubrificar as estruturas do organismo revestidas por membranas mucosas (muco brônquico, muco cervical, muco nasal, muco vaginal, etc.).

Qual é o valor do pH da urina?

No indivíduo saudável, o pH urinário pode variar de 4,5 a 8. A urina ácida pode ser produzida por uma dieta rica em proteína de carne, em algumas frutas e no diabetes melito mal controlada (acidose).

Quando devo me preocupar com o exame de urina?

Confira agora alguns exemplos de problemas que são detectados pelo exame de urina.

  • Desidratação. A desidratação, por exemplo, é uma condição na qual o organismo tenta poupar água, de modo que esta é liberada em menor quantidade na urina. …
  • Infecções urinárias. …
  • Diabetes. …
  • Cálculos renais.

Qual exame de urina detecta problema nos rins?

A Urina tipo 1 é um exame de fácil coleta e fornece informações valiosas sobre a saúde dos rins e do corpo também. Idealmente deve ser coletada durante a primeira urina da manhã, desprezando-se o primeiro jato, mas pode também ser coletada em outros horários.

O que é preocupante no exame de urina?

A urina muito densa também pode ser considerada outro sinal de alerta para isso. Os exames laboratoriais da urina são fundamentais para o diagnóstico desse mal. Eles analisam aspectos físicos e químicos, isso envolve a acidez e a presença de cristais ou infecções.

Quando devo me preocupar com leucócitos na urina?

A presença de leucócitos na urina costuma indicar que há alguma inflamação nas vias urinárias. Em geral, sugere infecção urinária, mas pode estar presente em várias outras situações, como traumas, uso de substâncias irritantes ou qualquer outra inflamação não causada por um agente infeccioso.

É perigoso ter bactéria na urina?

Potencialmente grave, o problema pode, caso não seja tratado de forma adequada, evoluir para uma doença renal crônica. O quadro da pielonefrite pode ser mais danoso, em comparação a cistite e uretrite, pois há risco de as bactérias caírem na circulação sanguínea, causando até mesmo uma infecção generalizada.

O que provoca o muco?

Causas para produção de muco nasal

Fatores climáticos podem iniciar a produção de muco no sistema respiratório, como queda na temperatura ambiente, alterações nos índices de umidade do ar, presença de alérgenos, como poeira, pólen e fumaça, entre outros.

O que causa o muco?

Qualquer tipo de alteração ou agressão ao sistema respiratório pode estimular o aumento da produção de muco, como também é chamado o catarro. Isso ocorre ao inalar fumaça, respirar alérgenos ou devido à exposição a vírus e bactérias causadores de infecções e processos inflamatórios.

Como saber se está com infecção urinária no exame de urina?

Urocultura. É o exame que detecta e identifica a presença de bactérias no trato urinário. Os rins e a bexiga são ambientes estéreis, onde normalmente não há bactérias, portanto, a urocultura pode indicar a presença delas. Neste exame, a urina é inoculada em meio de cultura.

O que significa densidade 1020 no exame de urina?

Densidade – A densidade deve variar entre 1005 e 1025. A urina com densidade menor do 1005 está pouco concentrada e pode significar que a capacidade de concentração do rim está comprometida. Já quando a urina estiver com a densidade maior do que 1025, ela será mais amarela e com odor forte.

O que aparece no exame de urina quando se está com infecção?

A presença de bactérias na urina transforma esses nitratos em nitritos. Portanto, fita com nitrito positivo é um sinal indireto da presença de bactérias. Nem todas as bactérias conseguem metabolizar o nitrato, por isso, exame de urina com nitrito negativo de forma alguma descarta infecção urinária.

Quais os primeiros sintomas de problemas nos rins?

Atenção se apresentar um dos seguintes sinais ou sintomas:

  • Hipertensão arterial.
  • Diabetes melitos.
  • Inchaço nas pernas ou no rosto.
  • Cólica renal.
  • Infecção urinária (ardor para urinar ou dor lombar associada a febre, urina com mal cheiro ou turva, dificuldade para urinar ou sentir vontade de urinar muitas vezes ao dia)

Quais são os sintomas de inflamação nos rins?

“Os principais sintomas são a diminuição da quantidade de urina no indivíduo, que deve ser percebida de forma analítica pelo próprio paciente durante sua rotina diária, e a coloração avermelhada, que pode indicar a presença de sangue na urina”, informa Ângela Santos.

By admin